Dança comigo?

julho 07, 2011

Eu me perdi e saí em busca de mim mesma. Encontrei-me em você e percebi que cada vez que me acho mais em ti, te encontro cada vez mais em mim. Colocamos a solidão (mais necessariamente, a nossa) para dançar e essas, sob coincidência e consentimento do destino, foram embora juntas. Inevitavelmente, permanecemos aqui, descobrindo um ao outro.

De braços dados, decidimos enfrentar o que fosse necessário. Você me fez buscar-te e sem perceber, veio ao meu encontro. Hoje, arriscamos alguns passos juntos e agora almejamos a eterna dança em busca da cumplicidade da alma. Agora venha e me dê à mão. Dança comigo só mais essa noite. Vamos fazê-la durar eternamente, se preciso.
Tecnologia do Blogger.